Agência mostra cratera criada por sonda em asteroide

O objetivo da manobra foi expor material do solo do Ryugu, que será estudado e que pode futuramente trazer informações sobre a formação do Sistema Solar

Superfície do asteroide Hayabusa / Foto: Divulgação Jaxa
Superfície do asteroide Hayabusa / Foto: Divulgação Jaxa

A Agência Japonesa de Exploração Espacial (Jaxa, na sigla em inglês) divulgou um vídeo mostrando a formação de uma cratera no asteroide Ryugu, causada por explosivos lançados pela sonda Hayabusa2.

Cientistas da Jaxa estimavam que a cratera formada teria cerca de três metros de diâmetro, mas as imagens indicam que ela na verdade teria 10 metros. Segundo a agência AFP, isso surpreendeu os pesquisadores, já que o solo do asteróide é pedregoso, e por isso eles estimavam um orifício menor.

O objetivo da manobra foi expor material do solo do Ryugu, que será recolhido, estudado e que pode futuramente trazer informações sobre a formação do Sistema Solar. Acredita-se que o asteróide contenha água e matéria orgânica da época de quando nosso sistema foi formado, cerca de 4,6 bilhões de anos atrás.

Veja o vídeo mostrando o antes e depois da formação da cratera: