• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Anuncie
Assine
Revista Planeta
MenuMenu
FECHAR
  • Home
  • Astronomia
  • Arqueologia
  • Ciência
  • Viagem
  • Espiritualidade
  • Siga-nos:Facebook
Featured06/07/2022

Ararinha-azul começa a voltar aos céus da Caatinga

Exemplar de ararinha-azul no criadouro da ACTP. Crédito: ACTP

06/07/22 - 08h28min

Oito exemplares de ararinha-azul (Cyanopsitta spixii) criados em cativeiro foram soltos na natureza no município de Curuçá, na Bahia, em junho. A liberação das aves – três machos e cinco fêmeas – foi um passo importante na tentativa de reintroduzir a espécie em seu hábitat original, a Caatinga.

Coordenado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), o projeto tem a participação essencial da organização não governamental alemã Associação para a Conservação de Papagaios Ameaçados (ACTP), que cuidou da reprodução das aves em cativeiro, e de pesquisadores brasileiros.

Em 2019, a espécie foi oficialmente considerada extinta da natureza pela União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN), quase 20 anos depois de o último macho nascido na natureza ter desaparecido dos céus da Caatinga – e 200 anos depois de o naturalista alemão Johann Baptist von Spix (1781-1826) ter capturado um exemplar, descrito em 1832 pelo seu assistente, Johann Wagler (1800-1832).

A ararinha-azul desapareceu de seu hábitat original por causa de alterações na paisagem e do tráfico de animais silvestres. O trabalho para a reintrodução começou anos atrás, com a reprodução em cativeiro, na Alemanha, de exemplares comprados de colecionadores. Outras 12 ararinhas devem ser soltas até o final do ano.

* Este artigo foi republicado do site Revista Pesquisa Fapesp sob uma licença Creative Commons CC-BY-NC-ND. Leia o artigo original aqui.

Saiba mais

+ CPF do remetente deverá constar nas encomendas enviadas pelos Correios
+ Por que Saturno é tão temido?
+ Astrônomos chegam a consenso sobre a idade do universo
+ Fã ‘faz diagnóstico’ de hérnia em Rafa Kalimann, que confirma
+ Corpo de responsável por câmeras de clube onde petista foi assassinado é encontrado no Paraná
+ Por que Saturno é tão temido?
+ Veja objetos, símbolos e amuletos que atraem riqueza
+ Anitta conta o que a levou a fazer tatuagem no ânus
+ Ancestral humano desconhecido deixou pegadas estranhas na África


ACTP