Bebê zebra nasce com pintas pelo corpo, em vez de listras

Filhote tem melanismo, condição genética rara caracterizada pela produção excessiva de melanina, resultando em uma pelagem mais escura

Bebê zebra nasce com pintas pelo corpo, em vez de listras / Foto: Cortesia de Frank Liu @frankliuphotography

Uma zebra recém-nascida causou sensação na internet nesta quarta-feira (18). Em vez das tradicionais listras, a zebrinha nasceu com pintas pelo corpo.

LEIA TAMBÉM: Rara zebra loira é fotografada na Tanzânia

O animal foi avistado na reserva Maasai Mara National Reserve, no Quênia, pelo guia Rahul Sachdev e pelo fotógrafo Antony Tira, que disse ao jornal “Daily Mail” que, à primeira vista, achou que o animal tinha sido pintado para efeitos de pesquisas de migração. A zebrinha foi apelidada de Tira, em homenagem ao fotógrafo.

Bebê zebra nasce com pintas pelo corpo, em vez de listras / Foto: Cortesia de Frank Liu @frankliuphotography

A zebra tem “melanismo”, uma condição rara, caracterizada pelo excesso de melanina, que resulta em uma coloração mais escura do que o normal para a espécie.

Infelizmente, isso significa uma desvantagem para o animal, já que ele pode se tornar um alvo mais fácil para os predadores. Parmale Lemein, especialista em vida selvagem no Acampamento Matira, que fica na reserva, disse ao jornal “New York Post” que zebras com melanismo que apareceram em outros parques africanos acabarem morrendo em seis meses. 

Veja um vídeo que mostra o filhotinho diferenciado: