Cápsulas de café se tornam adubo

É o primeiro produto brasileiro a receber o Rótulo Ecológico ABNT – o único programa de rotulagem ambiental do país aprovado pelo Global Ecolabelling Network (GEN)

Café da Orfeu: embalado em cápsulas biodegradáveis (Foto: Gabriel Monteiro)

Enquanto algumas marcas de café expresso apostam na reciclagem das cápsulas, outras são mais vanguardistas e efetivas ao oferecerem esses produtos na versão biodegradável. Dado o grande volume de desperdício gerado por esses modelos de máquinas para residências e empresas, o planeta agradece o cuidado redobrado.

As cápsulas biodegradáveis que embalam o café de Categoria Especial da Orfeu Cafés Especiais são o primeiro produto brasileiro a receber o Rótulo Ecológico ABNT – o único programa de rotulagem ambiental brasileiro aprovado pelo Global Ecolabelling Network (GEN), que garante que o produto certificado é a melhor opção para o meio ambiente em comparação a produtos similares da mesma categoria.

Em relação a cápsulas de café, o selo exige que o material da cápsula seja biodegradável e compostável, além de vários critérios ligados à responsabilidade socioambiental no processo produtivo, desde a plantação, até a embalagem. Feitas de um exclusivo bioplástico compostável, essas cápsulas podem se tornar adubo em até quatro meses, se destinadas ao tratamento adequado de lixo orgânico.

blog comments powered by Disqus