China lança sua sonda a Marte

Sonda enviada pelo país asiático procurará sinais de vida e água no Planeta Vermelho

A missão Tianwen-1 parte para sua jornada: chineses aproveitam a mesma janela de lançamento usada pelos Emirados Árabes Unidos e pelos EUA

Depois dos Emirados Árabes Unidos, foi a vez da China de mover mais uma peça na corrida rumo a Marte. O país asiático lançou hoje (23 de julho) uma missão destinada a levar uma sonda ao solo do Planeta Vermelho, feito ainda restrito aos Estados Unidos.

A missão Tianwen-1 (“Busca pela Verdade Celestial”, em mandarim) partiu para o espaço a bordo do foguete Longa Marcha 5. O lançamento foi feito do centro de Wenchang, na ilha de Hainan, no sul do país.

A Tianwen-1 deverá atingir a órbita de Marte em fevereiro de 2021. O pouso da sonda está previsto para maio. A missão tem como objetivos principais procurar água no subsolo de Marte e evidências de vida no planeta.

LEIA TAMBÉM: Emirados Árabes Unidos lançam missão a Marte

A atual janela de lançamentos para Marte – um intervalo de tempo a aproximadamente cada dois anos no qual o percurso para o planeta vizinho fica mais curto – será aproveitada pelos EUA na semana que vem. A sonda Perseverance deverá ser lançada no dia 30 de julho.

Veja também
+ Casamento de Ana Maria Braga chega ao fim após marido maltratar funcionários, diz colunista
+ Conheça a eficácia de cada vacina no combate à Covid-19
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Lázaro Barbosa consegue fugir de novo da polícia após tiroteio
+ Gracyanne Barbosa dança pole dance com novo visual
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Após processar nora, mãe de Medina a acusa de ter destruído sua casa; veja fotos
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Fondue de chocolate com frutas fácil de fazer
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago