Cidade mais fria do mundo quer sediar Olimpíada de Verão de 2032

Objetivo da candidatura de Salla, no norte da Finlândia, é ressaltar o impacto da mudança do clima

Rotatória no centro de Salla: o calor de verão por lá está batendo recordes. Crédito: Arto häkkilä/Wikimedia Commons

Ainda faltam mais de 10 anos, mas a disputa pelos Jogos Olímpicos de Verão de 2032 já começou. No páreo, estão cidades como Jacarta, Istambul e Seul. Na semana passada, mais uma cidade entrou nessa corrida: a finlandesa Salla, vulgo a cidade mais fria do mundo. Parece brincadeira, né? E é.

O vídeo promocional da candidatura de Salla deixa claro o motivo da ação: localizada no Círculo Polar Ártico, a cidade sofre como poucas com os efeitos da mudança do clima. As cenas falam por si mesmas: moradores em trajes de verão, no meio da neve, esperando ansiosos pelo degelo e pelo calor para finalmente tomar sol, nadar nos lagos e pedalar pelas colinas. O logotipo? Montanhas com o gelo derretendo. O mascote? Uma rena assada pelo calor.

Autoridades de Salla se uniram ao grupo Fridays for Future para disseminar essa campanha e destacar o impacto da mudança do clima no Ártico. No ano passado, a região registrou calor recorde, impulsionado por incêndios florestais gigantescos na Sibéria.

Globo Esporte e “The Guardian” destacaram a candidatura olímpica de Salla.

Veja também
+ Casamento de Ana Maria Braga chega ao fim após marido maltratar funcionários, diz colunista
+ Conheça a eficácia de cada vacina no combate à Covid-19
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Lázaro Barbosa consegue fugir de novo da polícia após tiroteio
+ Gracyanne Barbosa dança pole dance com novo visual
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Após processar nora, mãe de Medina a acusa de ter destruído sua casa; veja fotos
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Fondue de chocolate com frutas fácil de fazer
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago