Colônia espacial da Nasa no espírito dos anos 1970

Ilustração de programa artístico da Nasa traduz em imagem como seria uma colônia espacial do futuro

Concepção de colônia espacial toroidal: algo dessa ideia está no filme "Interestelar". Crédito: Ames Research Center da Nasa

Essa fictícia colônia espacial toroidal (em forma de rosquinha), na concepção de Rick Guidice, é uma das muitas representações artísticas que nasceram de um programa de arte no Ames Research Center da Nasa nos anos 1970. Os cientistas do Ames conduziram três estudos diferentes sobre como os humanos poderiam construir colônias espaciais massivas.

A concepção apresentada ainda está muito longe da realidade. Mas já faz parte da ficção: na parte final do filme Interestelar, a estação retratada tem detalhes que lembram essa imagem.

Esforços artísticos como esses ajudam a formar conexões entre a ciência e o público. Com isso, atuam como ferramentas valiosas na ilustração das explorações e descobertas da Nasa.

Embora o Programa de Arte da Nasa não seja tão vasto como costumava ser, os fabricantes e criadores continuam trabalhando com os cientistas e engenheiros da agência espacial americana para criar animações e arte conceitual visualmente envolventes. É o caso do Exoplanet Planet Travel Bureau, do Laboratório de Propulsão a Jato (JPL) da Nasa.

Veja também
+ Casamento de Ana Maria Braga chega ao fim após marido maltratar funcionários, diz colunista
+ Conheça a eficácia de cada vacina no combate à Covid-19
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Lázaro Barbosa consegue fugir de novo da polícia após tiroteio
+ Gracyanne Barbosa dança pole dance com novo visual
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Após processar nora, mãe de Medina a acusa de ter destruído sua casa; veja fotos
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Fondue de chocolate com frutas fácil de fazer
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago