• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Anuncie
Assine
Revista Planeta
MenuMenu
FECHAR
  • Home
  • Astronomia
  • Arqueologia
  • Ciência
  • Viagem
  • Espiritualidade
  • Siga-nos:Facebook
Ciência16/03/2022

Descoberta primeira espécie de dinossauro encouraçado na Ásia

Concepção artística do Yuxisaurus kopchicki, o primeiro dinossauro blindado encontrado na Ásia, que está ajudando na investigação de quando e onde esses animais apareceram pela primeira vez. Crédito: ©Yu Chen

16/03/22 - 11h35min

Uma nova espécie de dinossauro encouraçado (ou blindado), denominada Yuxisaurus kopchicki, foi descrita na China. Trata-se dos primeiros restos fósseis desse grupo encontrados na Ásia. A descoberta contribui para a compreensão de como esses curiosos dinossauros evoluíram e se espalharam pelo mundo. O artigo sobre esse estudo foi publicado na revista eLife.

Os dinossauros encouraçados são alguns desses répteis mais conhecidos. O grupo inclui animais famosos como o estegossauro e o anquilossauro.

A descoberta é de um animal que viveu muito antes de qualquer uma dessas espécies citadas. Ela está ajudando os cientistas a entender quando e onde os dinossauros blindados apareceram pela primeira vez antes de colonizar rapidamente o resto do mundo.

O professor Paul Barrett, pesquisador de dinossauros do Museu de História Natural de Londres (Reino Unido) que se concentra em dinossauros herbívoros, ajudou a descrever a nova espécie junto com seus colegas chineses. “O achado fóssil consiste em um esqueleto bastante completo, incluindo pedaços do crânio, vértebras, partes dos membros e muitas e muitas armaduras”, disse ele. “É o exemplo mais antigo e mais bem preservado de um dinossauro encouraçado de toda a Ásia. (...) A armadura imediatamente nos diz que é um membro do mesmo grupo de dinossauros que os estegossauros e os anquilossauros, mas a idade do dinossauro nos diz que é um membro antigo, que fica fora de qualquer um desses dois grupos, e por isso está próximo ao ancestral comum de ambos.”

Ancestral compartilhado

Durante os períodos Jurássico e Cretáceo, uma grande variedade de dinossauros herbívoros evoluiu para ser coberta por extraordinárias placas ósseas defensivas, espinhos e saliências.

Esses dinossauros são divididos em estegossauros de um lado e anquilossauros do outro. Os estegossauros, mais famosos, com suas placas ao longo das costas e caudas pontiagudas, eram grandes e volumosos animais, enquanto os anquilossauros eram geralmente cobertos por placas ósseas planas e eram mais como “mesas de café ambulantes”.

Acredita-se que os estegossauros e os anquilossauros evoluíram de um ancestral compartilhado e assim formam um grupo conhecido como tireóforos, que significa “portadores de escudo”. Mas há muitas dúvidas sobre quando e onde esse grupo evoluiu.

“Meus colegas na China descobriram este novo dinossauro encouraçado em Yunnan, sudoeste da China, em rochas do início do Jurássico que datam entre 192 e 174 milhões de anos atrás”, explicou Barrett. “Quando colocamos o animal em uma análise evolutiva, ele se aproximou da ancestralidade comum de estegossauros e anquilossauros. (...) Isso ajuda a confirmar que os primeiros dinossauros encouraçados viviam nessa região naquele momento. Sabemos muito pouco sobre a história inicial em geral dos dinossauros herbívoros na China, então regionalmente esta é uma descoberta muito importante.”

Conceitos em discussão

No passado, os dinossauros tireóforos foram amplamente associados às rochas que datam dos períodos Jurássico Superior e Cretáceo (163-66 milhões de anos atrás) da América do Norte e da Europa. Isso revelou uma incrível diversidade de espécies, mas há muito se sabe que suas origens devem ser muito mais antigas.

Essa escassez histórica de achados dos continentes do sul levou alguns a sugerir que o grupo deve ter evoluído no norte. Mas descobertas recentes estão confundindo essa opinião – os mais antigos anquilossauro e estegossauro foram descobertos na mesma formação rochosa no Marrocos e datam de cerca de 165 milhões de anos atrás.

“Há dinossauros encouraçados iniciais começando a aparecer mais no sul”, explicou Barrett. “Existem dois animais de cerca de 200 milhões de anos atrás da Venezuela e da África do Sul que não têm armadura, mas podem ser os primeiros membros do grupo, mostrando como eles eram antes de desenvolverem a armadura. (...) Se esses animais estavam no grupo, é provável que os dinossauros blindados tenham se originado nos continentes do sul, mas essa ideia é controversa. Se eles não estão incluídos no grupo, então as origens estão ancoradas no hemisfério norte. No momento, não temos como escolher entre essas alternativas.”

Dinossauro cosmopolita

A nova descoberta não é o membro mais antigo conhecido desse grupo, mas um contemporâneo de várias outras espécies de todo o mundo, como espécies na Alemanha e no Reino Unido. O Yuxisaurus ajuda a preencher a imagem de como era essa região na China naquele momento e como esses animais estavam evoluindo.

Essa formação particular na China revelou outros fósseis de dinossauros, mas até agora é dominada pelos grandes saurópodes de pescoço comprido e seus parentes primitivos. A nova descoberta aumenta a diversidade dos outros herbívoros que também devem estar presentes no ecossistema na época.

O fato de o Yuxisaurus datar do Jurássico Inferior também é interessante. O animal é diferente dos outros primeiros dinossauros encouraçados, pois tem uma constituição mais atarracada e um arranjo distinto de placas blindadas que cobriam suas costas. Isso sugere que esses primeiros animais estavam experimentando suas formas corporais e ecologia mais cedo do que os cientistas pensavam anteriormente.

“Os dinossauros encouraçados apareceram no início do Jurássico e em poucos milhões de anos já estavam evoluindo para vários tipos diferentes”, explicou Barrett. “Além disso, eles conseguiram uma distribuição mundial muito cedo em sua história.”

Ele prosseguiu: “Um monte de membros muito antigos de estegossauros e anquilossauros de um pouco mais tarde foram encontrados espalhados pelo mundo, então eles devem ter sido capazes de se mover entre os continentes. (...) Até recentemente, assumimos que toda a evolução dos dinossauros encouraçados aconteceu no norte, mas novas descobertas estão mostrando que isso não era verdade.”

Saiba mais
+ Carolina Dieckmann pede R$ 9 milhões por mansão no Rio
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Confira o resultado
+ Reencarnação na história: uma crença antiquíssima
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua

África do Sul