Descoberto sofisticado sistema de filtragem de água dos antigos maias

Estudo foi feito pela Universidade de Cincinnati. Foto: Pixabay

Os antigos maias da cidade de Tikal construíram filtros de água sofisticados usando materiais naturais importados de quilômetros de distância. Isso é o que aponta estudo feito pela Universidade de Cincinnati, nos Estados Unidos. 

Os pesquisadores descobriram evidências de um sistema de filtro no reservatório Corriental, uma importante fonte de água potável para os antigos maias no local onde hoje está localizada a Guatemala.

Uma equipe multidisciplinar de antropólogos, geógrafos e biólogos da Universidade de Cincinnati identificou quartzo cristalino e zeólita importados de uma região que fica há quilômetros da cidade. Ambos os materiais são usados na filtragem de água moderna.

De acordo com o professor Kenneth Barnett Tankersley, principal autor do estudo, os antigos filtros teriam ajudado a remover micróbios nocivos, compostos ricos em nitrogênio, metais pesados como mercúrio e outras toxinas da água.

Veja também
+ Casamento de Ana Maria Braga chega ao fim após marido maltratar funcionários, diz colunista
+ Conheça a eficácia de cada vacina no combate à Covid-19
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Lázaro Barbosa consegue fugir de novo da polícia após tiroteio
+ Gracyanne Barbosa dança pole dance com novo visual
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Após processar nora, mãe de Medina a acusa de ter destruído sua casa; veja fotos
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Fondue de chocolate com frutas fácil de fazer
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago


COMPARTILHAR