• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Anuncie
Assine
Revista Planeta
MenuMenu
FECHAR
  • Home
  • Astronomia
  • Arqueologia
  • Ciência
  • Viagem
  • Espiritualidade
  • Siga-nos:Facebook
Astronomia26/01/2022

‘Efeito borboleta’ prenuncia colisão de galáxias

Galáxias NGC 4567 e NGC 4568: em processo de fusão. Crédito: ESO

26/01/22 - 07h50min

A cerca de 60 milhões de anos-luz de distância, na constelação da Virgem, as galáxias NGC 4567 e NGC 4568, também chamadas Galáxias Borboleta devido à sua estrutura parecida com asas, começam a colidir e a se fundir uma à outra. Podemos ver isso mesmo nesta imagem capturada pelo instrumento FORS2 (FOcal Reducer and low dispersion Spectrograph 2), montado no Very Large Telescope (VLT) do Observatório Europeu do Sul (ESO) no Observatório do Paranal, nos Andes chilenos.

Colisões de galáxias não são incomuns no universo. Podemos imaginá-las violentas e catastróficas, mas, na realidade, são processos surpreendentemente pacíficos, tal como uma valsa executada por estrelas, gás e poeira e coreografada pela gravidade. Pensa-se que esse tipo de colisão e fusão seja também o eventual destino da Via Láctea, que os cientistas acreditam que irá sofrer uma interação semelhante com a nossa galáxia vizinha, Andrômeda.

O instrumento FORS2 é frequentemente apelidado de o “canivete suíço” do Paranal, devido à sua incrível versatilidade. Ele é, de fato, um dos instrumentos mais requisitados do observatório. Além de capturar imagens como esta, também pode obter espectros de até várias dezenas de objetos cósmicos simultaneamente, ou estudar luz polarizada.

Esta imagem foi criada como parte do programa Joias Cósmicas do ESO, uma iniciativa de divulgação para produzir imagens de objetos interessantes, intrigantes ou visualmente atraentes, utilizando os telescópios do ESO, para fins de educação e divulgação científica. O programa utiliza tempo de telescópio que não pode ser usado em observações científicas. Todos os dados obtidos podem ter igualmente interesse científico e são, por isso, postos à disposição dos astrônomos através do arquivo científico do ESO.

Saiba mais
+ Carolina Dieckmann pede R$ 9 milhões por mansão no Rio
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Confira o resultado
+ Reencarnação na história: uma crença antiquíssima
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua

Andrômeda