Hubble capta fogos de artifício cósmicos em galáxia diferente

Galáxia “gancho de carne” abrigou uma explosão de supernova, detectada em 2015 e facilmente visível a partir da Terra

Galáxia Meathook: explosão de supernova recente. Crédito: ESA/Hubble & Nasa, S. Smartt et al.

A imagem acima, captada pelo telescópio espacial Hubble, da Nasa/ESA, apresenta a espetacular galáxia NGC 2442. Ela está situada ao sul da constelação do Peixe Voador, a cerca de 50 milhões de anos-luz da Terra.

Essa galáxia hospedou uma explosão de supernova, conhecida como SN2015F, criada por uma estrela anã branca. A anã branca fazia parte de um sistema estelar binário e retirava massa de sua companheira. Posteriormente, sua “ganância” a fez extrair mais do que poderia suportar. Isso desequilibrou a estrela e desencadeou uma fusão nuclear descontrolada. Esse processo acabou levando a uma explosão de supernova intensamente violenta.

A SN2015F foi detectada em março de 2015 na galáxia NGC 2442. Essa galáxia recebeu o apelido de Meathook (“gancho de carne”, em inglês) devido à sua forma extremamente assimétrica e irregular.

LEIA TAMBÉM: Hubble mostra uma galáxia brilhante e incomum

A supernova brilhou intensamente por algum tempo e foi facilmente visível da Terra, mesmo por um pequeno telescópio, até setembro daquele verão.

Veja também

+ Invasão de vespas assassinas aumenta tensão com 2020 nos EUA
+ Anticoagulante reduz em 70% infecção de células pelo coronavírus
+ Assintomáticos: 5 dúvidas sobre quem pega o vírus e não tem sintomas
+ 12 dicas de como fazer jejum intermitente com segurança