Isopor reaproveitado

A empresa de construção civil, arquitetura e decoração Santa Luiza já responde por cerca de 10% da destinação correta do isopor brasileiro, que ela reaproveita na fabricação de perfis, molduras, revestimentos de pisos e paredes de alta qualidade

Isopor: reciclado pela Santa Luzia

A catarinense Santa Luzia, que fabrica produtos voltados para construção civil, arquitetura e decoração, desenvolveu um processo que substitui 98% da madeira usada em sua planta por isopor. A técnica envolve a coleta, a triagem do material, sua compactação em uma máquina especial e o aproveitamento da matéria resultante na fabricação de perfis, molduras, revestimentos de pisos e paredes de alta qualidade. Com ela, a empresa responde por cerca de 10% da destinação correta do isopor brasileiro. O processo estimulou a Santa Luzia a apoiar a inclusão de cooperativas de catadores na coleta seletiva urbana, ajudar a capacitar cooperados para aumentar o setor reciclador nacional e sustentar o aumento das ações de educação ambiental.

Saiba mais
+ Carolina Dieckmann pede R$ 9 milhões por mansão no Rio
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Confira o resultado
+ Reencarnação na história: uma crença antiquíssima
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua