Japoneses descobrem pistas de queda de meteorito no Pacífico

Incidente, há 11,6 milhões de anos, teria levado 15% das espécies em terra a serem extintas

Queda de meteorito: vestígios foram encontrados na região da da ilha de Minamitorishima, no Japão. Crédito: RafaelMousob/Pixabay

Pesquisadores japoneses encontraram rastros da queda de um gigantesco meteorito ocorrida há 11 milhões de anos no Oceano Pacífico. A descoberta pode ajudar a explicar uma extinção em massa que ocorreu na mesma época.

A equipe, que inclui cientistas da Agência Japonesa de Ciência e Tecnologia Marinha e da Terra, já vinha observando o leito marinho ao largo da ilha de Minamitorishima em busca de recursos minerais.

Irídio, platina e outros elementos foram encontrados em níveis dezenas de vezes maiores que o normal, indicando um possível impacto de meteorito.

Quinze por cento das espécies da terra, principalmente mamíferos, foram extintos em circunstâncias até hoje misteriosas há 11,6 milhões de anos.

LEIA TAMBÉM: Cientistas descobrem novo material em meteorito que caiu na Terra

A equipe de pesquisa disse que é muito provável que o impacto de um meteorito de vários quilômetros de largura tenha levado à extinção em massa.

 

* A NHK é a emissora pública de televisão do Japão.