Maioria dos tesouros de Notre Dame está salva

A maioria das relíquias da Notre Dame, como a coroa de espinhos que contém fragmentos da coroa de Jesus, está guardada em um local seguro

As rosáceas da catedral de Notre Dame / Foto: Divulgação Notre Dame
As rosáceas da catedral de Notre Dame / Foto: Divulgação Notre Dame

O incêndio que atingiu a catedral de Notre Dame nesta segunda-feira (15) deixou o mundo chocado. Enquanto as autoridades investigam as causas do fogo, especialistas avaliam os danos causados à estrutura e as obras de arte e peças religiosas que estavam abrigadas na igreja de 850 anos de idade, como esculturas, pinturas e relíquias da época de Jesus Cristo.

Um porta-voz da prefeitura disse à CNN que a maioria das relíquias está guardada em um local seguro.

Uma das peças mais preciosas da catedral é a “coroa de espinhos”. Acredita-se que ela contém fragmentos da coroa de espinhos usada por Jesus Cristo quando foi crucificado. Segundo a prefeita de Paris, Anne Hidalgo, ela está salva.

A coroa de espinhos, com fragmentos da coroa usada na crucificação de Cristo / Foto: Gavigan / Creative Commons
A coroa de espinhos, com fragmentos da coroa usada na crucificação de Cristo / Foto: Gavigan / Creative Commons

Porém ainda não foi confirmado se outras relíquias da época de Jesus foram salvas, como a “Vera Cruz”, fragmentos da cruz na qual Cristo foi crucificado, e os pregos usados na crucificação.

Anne Hidalgo também afirmou que a “túnica de São Luis” não sofreu danos. A túnica é uma peça de vestuário do século 13 que teria pertencido ao Rei Luis, o único rei francês a se tornar santo.

A túnica de São Luis
A túnica de São Luis

Outra grande preocupação era com as “rosáceas”, os vitrais da Notre Dame. As rosáceas da catedral são compostas por um trio de janelas arredondadas de vidro, que datam do século 13. Segundo a CNN, o arcebispo de Paris disse que as janelas também estão salvas.

As rosáceas da catedral de Notre Dame / Foto: Reprodução Notre Dame
As rosáceas da catedral de Notre Dame / Foto: Reprodução Notre Dame
Detalhe da rosácea de Notre Dame / Foto: Divulgação Notre Dame
Detalhe da rosácea de Notre Dame / Foto: Divulgação Notre Dame

O religioso também confirmou que o grande órgão da Notre Dame, datado aproximadamente de 1400, não foi danificado. Porém o instrumento ficou coberto de poeira e entulho, então sua estrutura precisará ser avaliada.

O grande órgão da catedral de Notre Dame tem estrutura do século 15 / Foto: Divulgação Notre Dame
O grande órgão da catedral de Notre Dame tem estrutura do século 15 / Foto: Divulgação Notre Dame

Veja também

+ Invasão de vespas assassinas aumenta tensão com 2020 nos EUA
+ Anticoagulante reduz em 70% infecção de células pelo coronavírus
+ Assintomáticos: 5 dúvidas sobre quem pega o vírus e não tem sintomas
+ 12 dicas de como fazer jejum intermitente com segurança