Médicos extraem 526 dentes de garoto indiano

Caso é o primeiro no mundo em que tantos dentes foram encontrados em uma única pessoa, segundo o hospital onde o menino foi atendido

Radiografia do hospital indiano mostra o acúmulo de estruturas dentárias na boca do garoto. Foto: Saveetha Dental College and Hospital

Médicos declararam que um menino indiano de 7 anos de idade teve 526 estruturas dentárias retiradas de sua boca. O caso, ocorrido em Chennai (ex-Madras), capital do estado de Tamil Nadu, foi descrito em comunicado à imprensa do Saveetha Dental College and Hospital e noticiado no site NBC News.

O temor de que o inchaço do maxilar do garoto (não identificado) estivesse associado a um câncer levou seus pais a conduzi-lo ao Saveetha Dental College and Hospital. Cirurgiões encontraram então uma “massa parecida a um saco bem definida” no maxilar do garoto e a removeram durante uma operação, segundo um comunicado de imprensa divulgado ontem pelo hospital.

“Em uma avaliação posterior feita pelos patologistas orais, e para sua maior surpresa, o saco revelou 526 estruturas semelhantes a dentes”, informou o hospital. “Nas próprias palavras dos patologistas, ‘era uma reminiscência de pérolas em uma ostra’.”

 

Operação de cinco horas

A cirurgia de extração das estruturas levou cinco horas. Elas tinham tamanhos que variavam de 1 a 15 milímetros, e cada uma se parecia com um dente – tinha uma estrutura semelhante à raiz e uma coroa coberta por esmalte.

“Este é o primeiro caso a ser documentado em todo o mundo em que tantos dentes minúsculos foram encontrados em um único indivíduo”, informou o hospital. “Essa lesão rara é denominada ‘odontoma composto’.”

O problema, considerado uma anomalia do desenvolvimento, é caracterizado pela formação de tumores feitos de esmalte e dentina. Ele ocorre em geral em pessoas com 20 anos de idade, mas pode surgir em qualquer idade.