• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Anuncie
Assine
Revista Planeta
MenuMenu
FECHAR
  • Home
  • Astronomia
  • Arqueologia
  • Ciência
  • Viagem
  • Espiritualidade
  • Siga-nos:Facebook
Featured28/06/2022

Montadoras querem desbancar Tesla no mercado de carros elétricos

Modelo elétrico da Volkswagen: empresa alemã quer superar a Tesla em 2024. Crédito: Volkswagen/Divulgação

28/06/22 - 12h16min

Enquanto o magnata Elon Musk brinca de Citizen Kane no Twitter, concorrentes da Tesla na indústria automobilística se movimentam para tirar a empresa da liderança do mercado global de carros elétricos. A Bloomberg assinalou que as asiáticas Hyundai e Kia estão ganhando espaço no valioso mercado norte-americano, superando as vendas da Tesla e de outras concorrentes nativas, como Ford e GM. A seu favor, contam a capacidade de produção, que está conseguindo driblar os apertos recentes na cadeia de fornecimento de peças e materiais, e uma estratégia agressiva para se popularizar entre os motoristas de carros elétricos nos EUA.

Já na Europa, a principal concorrente da Tesla é a alemã Volkswagen, que vem há algum tempo apostando nos modelos elétricos para “limpar a barra” depois de escândalos como o Dieselgate e garantir sua predominância nos mercados do continente. Por ora, a VW ainda está atrás da Tesla na corrida global pelo mercado elétrico, mas a expectativa da empresa alemã é diminuir a vantagem da companhia de Musk, com vistas a superá-la já em 2024.

Impacto da inflação

Enquanto isso, a inflação global começa a atingir o bolso dos motoristas de carros elétricos. O Wall Street Journal destacou o aumento da demanda por esse tipo de veículo que, impulsionado pela carestia dos combustíveis tradicionais, também resultou em uma escalada de preços. Além da procura maior, outro fator contribuinte é a escassez de chips e outros componentes eletrônicos, resultado dos efeitos recentes da pandemia na China.

Em tempo: Los Angeles se prepara para se tornar a principal cidade dos EUA a proibir a construção de novos postos de gasolina e diesel, em mais um esforço para impulsionar a mobilidade elétrica e reduzir as emissões de gases de efeito estufa. O Guardian repercutiu o debate que acontece entre o poder público local e a indústria automobilística. A ideia é impulsionar o transporte público com energia renovável, bem como facilitar a construção da infraestrutura urbana para recarga de carros elétricos.

Saiba mais

+ CPF do remetente deverá constar nas encomendas enviadas pelos Correios
+ Por que Saturno é tão temido?
+ Astrônomos chegam a consenso sobre a idade do universo
+ Fã ‘faz diagnóstico’ de hérnia em Rafa Kalimann, que confirma
+ Corpo de responsável por câmeras de clube onde petista foi assassinado é encontrado no Paraná
+ Por que Saturno é tão temido?
+ Veja objetos, símbolos e amuletos que atraem riqueza
+ Anitta conta o que a levou a fazer tatuagem no ânus
+ Ancestral humano desconhecido deixou pegadas estranhas na África


carro