Nascem estrelas na Nebulosa Roseta

Foto do Observatório Espacial Herschel flagra estrelas em estágio embrionário a cerca de 5 mil anos-luz de distância

Nebulosa Roseta: intensa atividade de nascimento de estrelas. Crédito: ESA/PACS/SPIRE & HSC, F. Motte (AIM Saclay, CEA/IRFU-CNRS/INSU-U.ParisDidedrot)/HOBYS

Esta imagem de 2010 do Observatório Espacial Herschel mostra nuvens de poeira associadas à Nebulosa Roseta (NGC 2237), um berçário estelar a cerca de 5,2 mil anos-luz da Terra, na constelação do Unicórnio (Monoceros).

O Herschel, da Agência Espacial Europeia (ESA), recolhe a luz infravermelha emitida pela poeira. Essa imagem é uma combinação de três comprimentos de onda infravermelhos, com código de cores azul, verde e vermelho na imagem, embora, na realidade, os comprimentos de onda sejam invisíveis aos nossos olhos.

As manchas brilhantes da foto são casulos empoeirados que contêm estrelas embrionárias maciças. Elas deverão crescer até 10 vezes a massa do nosso Sol.

LEIA TAMBÉM: Hubble examina galáxia com nascimento de estrelas acima da média

Os pequenos pontos próximos ao centro da imagem são embriões estelares de menor massa. A própria nebulosa está localizada à direita da imagem, junto com seu aglomerado maciço de estrelas.

Veja também
+ Casamento de Ana Maria Braga chega ao fim após marido maltratar funcionários, diz colunista
+ Conheça a eficácia de cada vacina no combate à Covid-19
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Lázaro Barbosa consegue fugir de novo da polícia após tiroteio
+ Gracyanne Barbosa dança pole dance com novo visual
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Após processar nora, mãe de Medina a acusa de ter destruído sua casa; veja fotos
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Fondue de chocolate com frutas fácil de fazer
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago