Onda de calor e incêndios tornam Sibéria uma bomba de metano

Liberação de gás de efeito estufa retido no permafrost pode ser muito mais perigosa do que os cientistas previam

Imagem de 23 de junho de 2020 captada pela missão Copernicus Sentinel-3 que mostra os incêndios na região nordeste da Sibéria naquele dia: perigo representado pelo degelo do permafrost pode ser muito maior. Crédito: contém dados modificados do Copernicus Sentinel (2020) processados pela ESA, CC BY-SA 3.0 IGO

A onda de calor que atingiu a Sibéria em 2020 causou um aumento expressivo das emissões de metano decorrentes do degelo do permafrost. A conclusão é de um estudo publicado na revista Proceedings of the National Academy of Sciences, que analisou dados de satélite relativos à Península de Taimir, uma das áreas mais atingidas pelo calor e pelos incêndios no ano passado.

No auge do calor, durante o verão de 2020, a temperatura média na Sibéria chegou a ficar 6°C acima dos padrões normais. Como resultado, as emissões de metano aumentaram cerca de 5%.

Mas o que preocupou os cientistas responsáveis pelo estudo foi a origem do metano liberado na Sibéria. O degelo do permafrost não libera apenas metano microbiano de solos anteriormente congelados, mas também, e potencialmente em quantidades muito maiores, metano [fóssil] de reservatórios subterrâneos. Como resultado, o feedback permafrost-metano pode ser muito mais perigoso do que o sugerido por estudos que contabilizam apenas o metano microbiano, concluiu o estudo.

Guardian e Washington Post deram mais detalhes sobre as conclusões dessa pesquisa.

Saiba mais
+ Carolina Dieckmann pede R$ 9 milhões por mansão no Rio
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Confira o resultado
+ Reencarnação na história: uma crença antiquíssima
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua