Pets clonados

A atriz e cantora Barbra Streisand revelou que retirou células da sua cadelinha Samantha para clonagem, que geraram Miss Scarlet e Miss Violet

Ainda não se sabe se os motivos éticos para as restrições à clonagem vão prevalecer, mas no universo dos animais de estimação eles já foram vencidos. Em depoimento publicado em fevereiro na revista “Variety”, a cantora e atriz americana Barbra Streisand declarou que havia feito dois clones de sua cadelinha Samantha, da raça Coton de Tulear, antes da morte do animal, no ano passado, aos 14 anos de idade. A cantora disse que as células para a clonagem haviam sido retiradas da boca e do estômago da cadela. Miss Scarlet e Miss Violet, resultantes do processo, já demonstraram ter personalidades diferentes, afirma Barbra, que vai esperar que elas fiquem mais velhas para conferir se vão manifestar os olhos castanhos e a seriedade de Samantha.

Veja também

+ Invasão de vespas assassinas aumenta tensão com 2020 nos EUA
+ Anticoagulante reduz em 70% infecção de células pelo coronavírus
+ Assintomáticos: 5 dúvidas sobre quem pega o vírus e não tem sintomas
+ 12 dicas de como fazer jejum intermitente com segurança