Pioneirismo irlandês contra as mudanças climáticas

Parlamento aprovou lei que obriga o país a se desfazer de seus investimentos em empresas de combustíveis fósseis

Refinaria de petróleo: negócio em que a Irlanda não pode investir mais (Foto: iStock)

A Irlanda se tornou o primeiro país a se comprometer com a retirada de dinheiro público aplicado em indústrias de petróleo, carvão e gás, que estão contribuindo para as mudanças climáticas. O Parlamento da Irlanda aprovou em julho uma lei que obriga o país a se desfazer de seus investimentos em empresas de combustíveis fósseis. A norma foi apoiada por todos os partidos na Câmara Baixa (equivalente à Câmara dos Deputados).

A lei obriga o Fundo de Investimento Estratégico da Irlanda a vender seus investimentos na indústria de combustíveis fósseis global, que, em junho de 2017, somavam 318 milhões de euros, distribuídos em 150 empresas pelo mundo.

blog comments powered by Disqus