Planeta que orbita estrela mais próxima pode ser habitável

Segundo astrônomos, Proxima b apresenta temperaturas amenas o suficiente para que a água em estado líquido se acumule em sua superfície

Concepção artística da superfície do planeta Proxima b, que orbita a estrela anã vermelha Proxima Centauri: possibilidade da existência de água em estado líquido. Crédito: ESO/M. Kornmesser

Um planeta do tamanho aproximado da Terra que orbita a estrela vizinha mais próxima do Sistema Solar pode ser habitável, informa a Nasa. A conclusão é de astrônomos que usam o telescópio de 3,6 metros do Observatório Europeu do Sul (ESO) em La Silla, no Chile, juntamente com outros telescópios ao redor do mundo.

Descoberto em 2016, o exoplaneta, Proxima b, está a uma distância de sua estrela, a anã vermelha Proxima Centauri, que permite temperaturas amenas o suficiente para que a água líquida se acumule em seu solo.

A impressão artística reproduzida acima mostra uma vista da superfície de Proxima b orbitando Proxima Centauri. A estrela dupla Alpha Centauri AB também aparece na imagem.

LEIA TAMBÉM: Um número surpreendente de exoplanetas pode abrigar vida

Proxima b é um pouco mais massivo que a Terra. Ele está em órbita na zona habitável ao redor de Proxima Centauri. Em sua localização, a temperatura é adequada para a existência de água líquida em sua superfície.

Veja também

+ Invasão de vespas assassinas aumenta tensão com 2020 nos EUA
+ Anticoagulante reduz em 70% infecção de células pelo coronavírus
+ Assintomáticos: 5 dúvidas sobre quem pega o vírus e não tem sintomas
+ 12 dicas de como fazer jejum intermitente com segurança