Sopro de esperança

Cientistas no Golfo da Califórnia trabalham para preservar um filhote de vaquita, menor dos cetáceos da Terra, como parte de um programa para tentar salvar essa espécie da extinção

Cientistas com uma vaquita no Golfo da Califórnia: luta para evitar a extinção da espécie (Foto: Handout)

A foto acima, divulgada em outubro pela Secretaria Mexicana de Meio Ambiente e Recursos Naturais, mostra cientistas no Golfo da Califórnia segurando um filhote de vaquita de seis meses de idade, o primeiro a ser capturado como parte de um programa para tentar salvar essa espécie da extinção. O filhote foi devolvido ao mar no mesmo local onde havia sido retirado, pois os veterinários do programa consideraram que ele era muito jovem para ser separado da mãe. Menor dos cetáceos da Terra, a vaquita ficou seriamente ameaçada porque fica presa nas mesmas redes de pesca destinadas à captura de um peixe, a totoaba, espécie também ameaçada.

Veja também

+ Invasão de vespas assassinas aumenta tensão com 2020 nos EUA
+ Anticoagulante reduz em 70% infecção de células pelo coronavírus
+ Assintomáticos: 5 dúvidas sobre quem pega o vírus e não tem sintomas
+ 12 dicas de como fazer jejum intermitente com segurança