Teste: você sofre de vício em relacionamentos?

Há pessoas que simplesmente não conseguem viver sem um parceiro amoroso. Foto: Bleiglass/Wikimedia

Equipe Planeta

 

O médico e escritor americano Andrew Weil ressalta que há muitos vícios “ocultos”, aos quais nosso sistema de crenças não atribui importância. Um exemplo disso é o vício em relacionamentos: muitas pessoas tornam-se viciadas em relações amorosas mal resolvidas, que misturam momentos de prazer com outros de desespero, e confundem essa forma de excitação com o amor verdadeiro. Um teste sugerido pela escritora Jody Hayes no livro “Smart Love” ajuda a identificar se o leitor está viciado em relacionamentos doentios. As afirmações a seguir devem receber um verdadeiro ou falso:

1) Você frequentemente se sente atraído por alguém e age a partir desse sentimento mesmo quando suspeita que a pessoa ou a relação pode não ser boa para você.

2) Quando você não está se relacionando, sente-se deprimido. Encontrar um novo parceiro amoroso habitualmente cura seus sentimentos de depressão e aumenta sua autoestima.

3) Quando você pensa em romper com um parceiro, preocupa-se sobre o que acontecerá com a pessoa sem a sua companhia.

4) Para evitar ficar sozinho logo após um rompimento, você começa imediatamente a procurar um novo parceiro.

5) Embora demonstre inteligência e independência em outras áreas da vida, você tem receio da independência num relacionamento amoroso.

6) Para ser feliz, você precisa ter um parceiro amoroso em sua vida.

7) Mesmo quando um relacionamento não está bom, você tem dificuldade para terminá-lo.

8) Você frequentemente se envolve com pessoas que de alguma forma não estão disponíveis – são casadas, moram muito longe, já estão envolvidas com outro parceiro ou mostram-se emocionalmente distantes.

9) Se uma pessoa boa e disponível demonstra interesse, você provavelmente a considerará chata e acabará rejeitando-a.

10) Você frequentemente tenta “reformar” seu parceiro amoroso para fazê-lo comportar-se da forma como considera ideal.

11) Para você, é difícil dizer não a alguém com quem está envolvido se ele/ela quer dinheiro, tempo, sexo ou algo mais.

12) Você realmente não acredita que merece um bom relacionamento.

13) Sexualmente, você se preocupa mais em satisfazer a seu parceiro do que a si próprio.

14) Você não é capaz de parar de ver determinada pessoa mesmo sabendo que continuar a fazer isso é destrutivo para você.

15) Você permanece obcecado pelas lembranças de um relacionamento por meses ou até mesmo anos depois que ele terminou.

A avaliação é simples: a resposta “verdadeiro” na maioria das questões indica o vício em relacionamento. Comece a trabalhar para reverter essa situação.