Uísque icônico será lançado em garrafa de papel em 2021

Johnny Walker ganhará a partir do próximo ano uma inédita embalagem de papel 100% reciclável, inovação tecnológica que poderá ser adotada por empresas de outros segmentos

Garrafa de papel do uísque Johnnie Walker: qualidade do conteúdo garantida. Crédito: Divulgação/Diageo

A Diageo, maior fabricante de bebidas destiladas do mundo e proprietária de marcas como Johnnie Walker, Smirnoff, Ypióca e Tanqueray, apresentou ontem (13 de julho) a primeira garrafa de destilados do mundo 100% livre de plástico. A embalagem fará sua estreia no mercado no início de 2021 com Johnnie Walker, o scotch whisky número um do mundo.

Também foi anunciada na ocasião uma nova parceria com a Pilot Lite, empresa de venture management, para lançar a Pulpex Limited, nova líder mundial em tecnologia de embalagens sustentáveis e responsável por desenvolver a garrafa à base de papel escalável “inédita”, que pode ser totalmente reciclada.

“Estamos orgulhosos de termos criado essa embalagem inédita. Buscamos constantemente nos superar, e essa embalagem sustentável tem o potencial de ser um grande marco. Há muito sentido em estreá-la com a Johnnie Walker, uma marca que sempre abriu caminhos para a inovação em seus 200 anos de vida”, diz Ewan Andrew, diretor global de Sustentabilidade da Diageo.

A embalagem foi projetada para conter uma variedade de produtos líquidos e fará parte do compromisso da Diageo com a meta 12 dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas de consumo e produção responsáveis.

LEIA TAMBÉM: Accor avança em iniciativas de sustentabilidade e diversidade

Qualidade do produto garantida

A Pulpex Limited estabeleceu um consórcio com principais empresas de FMCG (Fast Moving Consumer Goods) do planeta em diferentes categorias, incluindo Unilever e PepsiCo, para garantir que a inovação possa ser usada de forma abrangente. A tecnologia desenvolvida permitirá produzir uma variedade de garrafas de molde único sem plástico para uma variedade de bens de consumo, possibilitando que as marcas repensem seus designs de embalagens ou que essas passem a ser de papel, sem comprometer a qualidade existente do produto.

A expectativa é que os parceiros do consórcio lancem suas próprias garrafas de papel, com base no design e na tecnologia da Pulpex Limited, em 2021.

“Estamos entusiasmados por atuar com os líderes globais de marcas deste consórcio. Ao trabalharmos juntos, podemos usar o poder coletivo das marcas para ajudar a minimizar as marcas ambientais das embalagens, alterando os comportamentos de fabricação e de consumo”, disse Sandy Westwater, diretora da Pilot Lite.

Veja também

+ Invasão de vespas assassinas aumenta tensão com 2020 nos EUA
+ Anticoagulante reduz em 70% infecção de células pelo coronavírus
+ Assintomáticos: 5 dúvidas sobre quem pega o vírus e não tem sintomas
+ 12 dicas de como fazer jejum intermitente com segurança