Uma galáxia cai na Fornalha

O destino inevitável da galáxia NGC 1404 é fundir-se com outra situada no centro do Aglomerado da Fornalha

A NGC 1404 (na parte central da foto) está rumando para o centro do aglomerado da Fornalha. Crédito: ESO

A NGC 1404, uma galáxia elíptica gigante localizada a 62 milhões de anos-luz de distância da Terra, na Constelação da Fornalha (ou Fornax), aparece bem posicionada nesta foto do Observatório Europeu do Sul (ESO), coadjuvada pela estrela HD 22862 (embaixo, à esquerda). Mas as aparências enganam.

Uma das galáxias que compõem o Aglomerado da Fornalha, a NGC 1404 está lentamente “caindo” em direção ao centro do aglomerado. À medida que ela se move rumo à grande galáxia central do aglomerado, NGC 1399, suas reservas de gás quente vão sendo arrancadas, deixando para trás uma trilha alongada de gás. Embora não seja visível nesta imagem, essa corrente de gás pode ser claramente observada em imagens de raios X da galáxia.

Com o tempo, a NGC 1404 perderá a maior parte do seu gás quente e, portanto, sua capacidade de formar novas estrelas.

LEIA TAMBÉM: Fusão de galáxias antecipa futuro da Via Láctea e de Andrômeda