Dispositivo biônico ajuda cegos a enxergar letras e números

Sistema foi testado, com resultados positivos, em cinco pacientes com degeneração macular relacionada ao envelhecimento

visão biônica
Sistema de visão PRIMA, da Pixium Vision

A degeneração macular é a principal causa de cegueira associada ao envelhecimento. Uma empresa francesa desenvolveu um dispositivo capaz de restaurar parte da visão de pacientes atingidos pela doença.

Segundo a empresa, o dispositivo, batizado de Prisma, é o único sistema de visão biônica que está em testes clínicos para tratar especificamente da degeneração macular.

O aparelho funciona com um chip implantado por baixo da retina, no mesmo local onde os fotoreceptores do olho foram danificados pela doença, um procedimento minimamente invasivo.

O Prisma é completado com um óculos de realidade aumentada com uma mini câmera integrada e um computador portátil. A câmera captura imagens no ambiente. Essas imagens são processadas pelo computador porátil para extrair as informações mais importantes.

As imagens processadas são reenviada aos óculos, onde um mini projetor projeta essas imagens usando luz infravermelha no implante ocular. As células fotovoltaicas do implante convertem a informação óptica em estímulos elétricos para ativar as células nervosas da retina induzir a percepção visual.

O sistema foi testado em cinco pacientes na França e, após 12 meses de implantação e reabilitação, os voluntários relataram melhora na percepção da luz e capacidade de perceber letras e números.

O próximo passou será testar o aparelho em mais cinco pacientes com degeneração macular, desta vez nos Estados Unidos, e continuar a aperfeiçoar o algoritmo usado pelo computador e melhorar a experiência do usuário.

blog comments powered by Disqus