Volta ao Mundo

Preparativos para a festa

Um sadhu (santo) indiano espalha cinzas na face em Kolkata, à espera do início da Gangasagar Mela, em janeiro. Essa festividade, que culminou em 14 de janeiro com o Makar Sankranti – um banho dos peregrinos no mar -, na confluência do Rio Ganges com a Baía de Bengala, a cerca de 150 quilômetros ao sul de Kolkata, tem para os hinduístas uma grande importância religiosa.

 

Consumismo desenfreado

Segundo um relatório da Global Footprint network, a raça humana usa os serviços da natureza numa taxa 44% mais rápida do que a de regeneração e reabsorção dela. a organização calculou a pegada ecológica (a quantidade de terra e mar necessária para produzir os recursos consumidos pelas pessoas e absorver suas emissões de Co2) de mais de 100 países. Mantido o ritmo atual, precisaremos de duas Terras para atender nossas necessidades anuais por volta de 2030.

 

Cientistas britânicos descartaram em dezembro a possibilidade de que a presença de metano na atmosfera de Marte advenha de meteoritos. Isso deixa duas alternativas de pé: o metano seria produzido por reações químicas entre a água e rochas vulcânicas ou pela ação de organismos vivos.

 

Caranguejo-morango

O caranguejo retratado acima, cuja carapaça lembra um morango salpicado de pintas brancas, provém de uma espécie encontrada recentemente em uma praia de Pingtun, no sul de Taiwan. Seu descobridor, o biólogo marinho Ho Ping-ho, da National Taiwan Ocean University, disse que deparou com o animal quando desenvolvia pesquisas sobre o impacto ambiental do naufrágio de uma embarcação no litoral de Pingtun, em área pertencente ao Kenting National Park, ocorrido em 2009.

Obesidade: pior que fumar

Pesquisadores da Universidade de Columbia e do City College de Nova York (EUA) concluíram que a obesidade causa muito mais doenças que o tabaco e, futuramente, pode provocar mais mortes que o cigarro. A pesquisa, que envolveu 3,5 milhões de adultos, revelou que, entre 1993 e 2008, a proporção de fumantes caiu 18,5%, enquanto a de obesos subiu 85%. O fumo causou mais mortes, mas a obesidade foi responsável pela maior quantidade de doenças.

 

Lixo que vira energia

A empresa Actuale, em parceria com a Doutores do Meio Ambiente (DDMA), fechou um contrato com a Limpeza Pública de Camaçari (Limpc), na Bahia, a fim de desenvolver estudos para implantar uma Usina de Tratamento de Resíduos Sólidos que vai gerar energia para a região. Além de Camaçari, a usina deve atender outras seis cidades próximas.

Mais de 200 imensas formas geométricas entalhadas na terra foram descobertas na Amazônia brasileira, perto da Bolívia. Espalhados por 250 km, os desenhos formam uma rede de avenidas, canais e demarcações, alguns de 200 d.C., outros de 1283. Segundo a revista Antiquity, as obras indicam uma “sofisticada sociedade précolombiana construtora de monumentos”.

Para sobreviver ao frio

Um grupo de cientistas, entre eles Brian Barnes, do instituto de Biologia Ártica da Universidade do alasca (eUa), descobriu uma molécula com propriedades anticongelantes chamada xylomannan que garante a sobrevivência do besouro Upis ceramboides num ambiente de 40ºC negativos. ela é composta por um açúcar e um ácido graxo. a descoberta foi divulgada na revista científica Proceedings of the national academy Sciences (PNAS).

 

Cientistas chineses criaram um tipo de buraco negro feito de metamateriais (materiais artificiais, com propriedades não naturais) que alteram a curvatura da luz, “engolindo-a”

 

O ser vivo mais velho do mundo

Um estudo divulgado na publicação científica Plos One revelou que o organismo vivo mais velho do mundo é um carvalho da espécie Quercus palmeria localizado nas montanhas jurupa, no sul da Califórnia (eUa). Com mais de 13 mil anos, o carvalho nasceu quando o solo era coberto de gelo. os cientistas observaram que a planta tem sobrevivido por meio da sua clonagem e regeneração.

 

22%

foi a perda de brilho média observada em lâmpadas fluorescentes compactas em um teste de um grupo alemão de defesa do consumidor. Ao queimarem, algumas delas emitiam apenas 60% de sua luminosidade.

41%

foi o aumento na emissão de CO2 oriundo da queima de combustíveis fosseis entre 1990 e 2008, segundo 31 pesquisadores de 7 países que participam do Global Carbon Project. Para eles, isso amplia as chances de a temperatura da Terra subir 6ºC até 2100.

Amor materno

Pan, um bebê langur prateado nascido em dezembro, é segurado carinhosamente nos braços por sua mãe, Amy, no jardim Zoológico de Hanover (norte da Alemanha). Os langures prateados são macacos considerados sagrados em certas regiões da Índia.

 

 

 

 

 

Dentes novos com a ajuda de células-tronco

Cientistas britânicos do Dental Institute of King’s College, no Reino Unido, afirmam que em breve poderemos dizer adeus à dentadura. Eles descobriram um modo de construir dentes a partir de células-tronco e implantá-los na boca do paciente de modo que o dente substitua o anterior. Por enquanto, o experimento só foi feito em ratos de laboratório, mas apresentou resultados animadores quanto à aplicação da técnica em humanos.

Pesquisadores da disciplina de Neurologia Experimental da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) constataram que o ômega 3, além de minimizar a morte neuronal, também estimula a regeneração de neurônios em ratos. Os resultados do estudo dão esperança para a confecção de uma droga capaz de estimular a regeneração cerebral.

Pi não acaba!

O cientista francês fabrice Bellard calculou o número pi (π), resultado da divisão do perímetro de uma circunferência pelo seu diâmetro, e chegou a 2,7 trilhões de dígitos. Bellard levou 131 dias para fazer as contas em um computador comum e precisou de um terabyte de espaço no disco rígido para armazená-lo. Com o cálculo, o francês bateu o recorde que pertencia ao japonês Daisuke Takahashi, de 123 bilhões de dígitos.

 

 

O Laboratório de Pesquisa Naval dos Estados Unidos tem estimulado o desenvolvimento de um veículo aéreo não tripulado (UAV, na sigla em inglês) movido a célula combustível denominado Ion Tiger UAV. O avião pode viajar distâncias maiores e carregar mais peso que os aviões a bateria. O Ion Tiger também é mais discreto, porque faz menos barulho e transmite menos calor.

 

Ano novo no aquário

Um garoto observa um pinguim nadando no Epson Shinagawa Aqua Stadium, em Tóquio (Japão), no início de janeiro. Esse aquário decidiu promover uma semana de eventos especiais para celebrar a entrada de 2010 com seus frequentadores.

 

50

Km é a extensão da ponte que a China construirá entre o continente, Hong Kong e Macau – 16 km a mais que a recordista anterior, também chinesa. Para as autoridades, a ponte não prejudicará o meio ambiente, mas ONGs preveem problemas com os ecossistemas marinhos locais.

3%

Será a participação da energia eólica na matriz energética do Brasil em 2012, conforme o resultado do primeiro leilão da área, realizado em dezembro. O índice anterior era de 0,6%. As 71 usinas vencedoras estão situadas nas regiões Nordeste e Sul.

50 Mil

Homens integravam o exército enviado pelo rei persa Cambíses II ao Egito, cujos vestígios foram descobertos por arqueólogos italianos na parte oeste do país. Uma tempestade de areia soterrou os militares em 525 a.C., segundo o historiador grego Heródoto.

A requintada arte no gelo na China

Esculturas de gelo são dispostas no festival internacional Gelo e Neve, que acontece anualmente em Harbin (nordeste da China), durante o mês de janeiro. Palácios de contos de fada, pagodes orientais e até uma esfinge egípcia estavam entre as obras selecionadas para a 26ª edição do evento, que tem atraído visitantes de todos os cantos da China e até turistas de outros países. Efeitos de iluminação especiais, criados pelos escultores, tornam as obras ainda mais impressionantes.

Natureza em fúria

Foto aérea mostra a lava fluindo da cratera Le Dolomieu, do vulcão Piton de la Fournaise, na Ilha da Reunião (possessão francesa no Oceano Índico), no dia 2 de janeiro. Um dos mais ativos vulcões do mundo, o Piton de la Fournaise entrou em erupção nos primeiros dias deste ano.

 

 

 

AGENDA

Revolução Genômica

A exposição concebida pelo Museu de História Natural de Nova York chega ao Rio de Janeiro pela parceria entre o Sesc Rio e o Instituto Sangari. O evento traça um panorama sobre os impactos da genética em nossa vida e atividades interativas como jogos em aparelhos com toque de tela para melhor assimilação do que é um transgênico. Em fevereiro, haverá um ciclo de palestras com cientistas brasileiros envolvidos em projetos de genética. Quando: até 28 de março de (terça a sábado, das 9h às 18h; domingos e feriados, das 9h às 17h). Onde: Sesc Quitandinha (Av. Joaquim Rolla, 2, Petrópolis, RJ). Quanto: R$ 15. Mais informações: www.revolucaogenomica.com.br

Reciclagem do alumínio

O X Seminário Internacional de Reciclagem do Alumínio, aberto ao público em geral, faz parte da comemoração de 40 anos da Associação Brasileira de Alumínio (Abal), no IV Congresso Internacional do Alumínio. Quando: de 18 a 20 de maio (das 9h00 às 18h35). Onde: Centro de Exposições Imigrantes (Rodovia dos Imigrantes, km 1,5, São Paulo, SP). Mais informações: tel. (11) 3060-5023, e-mail congresso@abal.org.br

Gestão para sustentabilidade

Gestão Estratégica para Sustentabilidade é o curso de extensão que a União Educacional de Brasília (Uneb) oferece em março para empresários e gestores que desejam adotar recursos sustentáveis em suas companhias. Quando: março de 2010. Onde: SGAS 910, Conjunto D, Asa Sul, Brasília, DF. Quanto: R$ 100, com certificado de conclusão. Mais informações: tel. (61) 3445-3344/3343.

Aparência jovem leva à longevidade

Cientistas da Universidade do Sul da Dinamarca constataram que as pessoas que aparentam ser mais jovens do que são vivem mais do que as que parecem mais velhas; e quanto maior a diferença de idade atribuída às duplas, maior a probabilidade de o membro aparentemente mais velho morrer primeiro. as conclusões derivaram do estudo de 387 casais de gêmeos. a explicação biológica é que as pessoas de aparência jovem tinham telômeros (parte do Dna associada à capacidade celular de replicação) mais longos.

 

Casa do tempo de Jesus

Arqueólogos israelenses encontraram em dezembro ruínas de uma moradia da época em que jesus teria vivido. os restos da casa podem levar à reconstrução do que teria sido nazaré, descrita no novo Testamento. Segundo os arqueólogos, o vilarejo tinha cerca de 50 casas em um terreno de 16 mil metros quadrados. as análises do local mostram que os habitantes do tipo de casa encontrado eram judeus de poucos bens que possuíam uma pequena caverna camuflada para se esconder no caso de um ataque romano.

COMPARTILHAR